Um aluno surdo, um implante coclear e uma escola de surdos: uma história com muitas possibilidades e identidades

Conteúdo do artigo principal

Marcele Martinez Cáceres

Resumo

Considerando a surdez como uma diferença política e cultural e a escola de surdos um local privilegiado para a convivência entre os pares, a problematização deste trabalho se dá em torno da presença de um aluno surdo com implante coclear, numa escola de surdos. Nesse sentido, objetiva-se analisar as condições que possibilitaram a inclusão do aluno em uma escola de surdos. Para dar conta desse objetivo, utilizaram-se entrevistas que, neste trabalho, são entendidas como narrativas, sendo elas práticas discursivas.  Com auxílio de autores que transitam pelos campos dos estudos surdos e estudos culturais em educação, foi possível pensar a surdez como uma diferença cultural e linguística e entender quais as implicações pedagógicas e de produção de identidade desse sujeito são colocadas em movimento nesse cenário de inclusão de um surdo com implante coclear.

Detalhes do artigo

Seção
Artigos