#OCUPAIEPIC Representações culturais da juventude na ocupação de uma escola estadual em Niterói-RJ

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Marcelo Siqueira Maia Vinagre Mocarzel Angelina Accetta Rojas Mary Rangel

Resumo

A ocupação de espaços públicos se tornou uma importante ferramenta de resistência da juventude, ao longo do século XX, contra as imposições da sociedade. A partir dessa constatação, realizou-se uma observação participante em uma escola pública do município de Niterói, durante o movimento de ocupação de 2016, que se espalhou por diversas unidades escolares da rede estadual. O foco da análise foi a relação dos jovens com a arte e as representações produzidas durante o período. Como parte dos resultados, pode-se constatar que a arte é um importante elemento de pertencimento e de reconfiguração identitária, em busca de uma maior democratização do espaço público escolar.


 

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
MOCARZEL, Marcelo Siqueira Maia Vinagre; ROJAS, Angelina Accetta; RANGEL, Mary. #OCUPAIEPIC. Educação Online, [S.l.], n. 25, p. 19-39, aug. 2017. ISSN 1809-3760. Disponível em: <http://educacaoonline.edu.puc-rio.br/index.php/eduonline/article/view/326>. Acesso em: 24 sep. 2017.
Seção
Artigos